Bolsas de Iniciação Científica - UNILUS
UNILUS - Centro Universitário Lusíada
Compartilhar: YouTube Facebook Twitter     Home | Mapa do Site | Identidade Visual | Ouvidoria | Trabalhe Conosco | Fale Conosco
Área Restrita: Aluno  Professor  |Usuário: |Senha:  
UNILUS    CURSOS    CAMPI    ALUNOS    NOTÍCIAS    PROCESSO SELETIVO
Bolsas de Iniciação Científica - UNILUS
Você está em: Home >Notícias >Bolsas de Iniciação Científica - UNILUS  

Bolsas de Iniciação Científica - UNILUS



18/08/2017 - UNILUS

Abertas as inscrições para Bolsas de Iniciação Científica

A Reitoria do Centro Universitário Lusíada destina aos seus alunos de graduação de todos os cursos, bolsas de Iniciação Científica (IC), para o desenvolvimento de pesquisa sob a supervisão de um orientador.

O COIC - Comitê Institucional de Iniciação Científica do UNILUS informa que se encontram abertas as inscrições para o processo de seleção de 22 (vinte e dois) bolsistas e voluntários de Iniciação Científica UNILUS, para os alunos de graduação em nível superior, nas diversas áreas de conhecimento, exceto aqueles matriculados no último semestre do curso.

Serão preenchidas 2 vagas por meio do PIBIC/CNPq e 20 vagas oferecidas pelo UNILUS. Os demais projetos aprovados e não contemplados com bolsas poderão ser desenvolvidos como iniciação científica voluntária

As inscrições serão recebidas até o dia 07/08/2017, na Secretaria de Pós-Graduação, Pesquisa e Extensão do UNILUS, Campus III, Rua Batista Pereira, nº 265, 2º andar, Macuco, Santos, de segunda a sexta-feira, das 13h às 17h e das 18h às 22h. Sábado: das 8h às 12h.

A divulgação da lista dos contemplados será feita até o dia 11/08/2017.

Solicitamos que todos leiam minuciosamente o edital abaixo.

Documentos que devem ser entregues:

Para os alunos candidatos:

- Curriculum Lattes impresso e devidamente enviado ao CNPq;
- Histórico escolar analítico atualizado;
- Projeto de Pesquisa. O texto do projeto deve ser apresentado de forma clara e resumido, máximo 10 páginas, utilizando o formulário disponível abaixo.
- Plano de Trabalho do Aluno. Contido no formulário do projeto, deve ser apresentado o plano de trabalho a ser desenvolvido pelo aluno com o respectivo cronograma de execução das atividades.
- Ficha de inscrição (documento disponível abaixo).

Para os orientadores:

- Curriculum Lattes impresso e atualizado (produtividade científica apenas dos últimos 05 anos: 2012 a 2016).
- Ficha de produção Cientifica (documento disponível abaixo).
- Formulário de Cadastro do Orientador (documento disponível abaixo).

Atenção às alterações:

1 - Os documentos deverão ser apresentados em apenas uma cópia impressa, NÃO é mais necessária a cópia eletrônica gravada em CD.

2 - Caso o orientador submeta mais de um projeto, deverá enviar somente uma vez sua documentação.

Documentos:

Edital 03/2017

Edital 04/2017

Regimento

Relatório de Atividades de Iniciação Científica – RAIC

Ficha de Inscrição – Alunos candidatos

Ficha indicativa da somatória de pontos da Produção Científica

Formulário de Cadastro do Orientador

Formulário do Projeto

Ficha Efetivação de Bolsa






Dúvidas e informações: ic@lusiada.br


Perguntas mais Frequentes

1. A quem se destina?

Destina-se a alunos de graduação do CENTRO UNIVERSITÁRIO LUSÍADA - UNILUS, para desenvolvimento de pesquisa ao nível de Iniciação Científica (IC) sob a direção de um professor orientador vinculado a um núcleo de pesquisa.

2. Quais condições que o aluno já deve ter cumprido para estar apto para solicitar a bolsa?

O aluno já deve ter concluído um número suficiente de disciplinas relevantes para o desenvolvimento do projeto de pesquisa. Um bom desempenho acadêmico do candidato, evidenciado pelo histórico escolar, e sua regularidade financeira são condições essenciais para concessão da bolsa.

3. Quais são os responsáveis pelo projeto?

A responsabilidade pelo projeto de pesquisa cabe ao orientador, mas o candidato deve estar preparado para discuti-lo e analisar os seus resultados. A bolsa deve ser proposta pelo orientador somente depois que estiver convicto de que o aluno tem interesse pelo projeto de pesquisa e tempo disponível para executá-lo, sem prejuízo para suas atividades escolares.

4. Quanto tempo o aluno deverá dispor para o desenvolvimento da pesquisa?

A bolsa pressupõe dedicação exclusiva ao projeto (mínimo de 12 horas semanais) e ao curso. O bolsista deve dedicar-se ao desenvolvimento do projeto de pesquisa em ritmo compatível com as atividades exigidas pelo curso, durante o ano letivo, e de forma intensificada durante as férias letivas.

5. Quem avalia os projetos de pesquisa?

As avaliações dos projetos de pesquisa serão feitas pelo Comitê de Iniciação Cientifica do UNILUS e homologados pela Reitoria do UNILUS.

6. Quem pode orientar?

Os orientadores devem ter a competência e produtividade em pesquisa, avaliados por sua súmula curricular, bem como disponibilidade considerando seu regime de trabalho e número atual de orientandos.

7. Como deve ser apresentado o projeto de pesquisa?

O texto do projeto deve ser apresentado de forma clara e resumido, máximo 10 páginas, utilizando o formulário disponível na página do UNILUS (Comitê de Iniciação Científica) indicando no mínimo 01 e no máximo 06 palavras-chave. O projeto deverá indicar se há necessidade de utilização dos laboratórios do UNILUS para a realização da pesquisa e, em caso positivo, quais materiais serão necessários com respectivo orçamento. A aquisição dos materiais será responsabilidade dos pesquisadores. A responsabilidade pelo projeto é do orientador, mas o candidato deve estar preparado para discutí-lo e analisar os seus resultados.

8. De que forma os relatórios devem ser elaborados, qual a frequência de entrega e a quem encaminhar?

Os relatórios deverão ser elaborados utilizando as normas para confecção de trabalhos científicos adotadas pela Coordenadoria de Pós-graduação, Pesquisa e Extensão do UNILUS.Os bolsistas devem apresentar semestralmente relatórios de acompanhamento. Esses relatórios devem ser revistos e comentados pelo orientador, e encaminhados ao COIC.

9. É parte integrante da bolsa, a obrigatoriedade de submissão de artigo ao Simpósio UNILUS de Iniciação Científica?

Sim. Os bolsistas deverão apresentar os resultados de seus projetos de Iniciação Científica, necessariamente no Simpósio UNILUS de Iniciação Científica, a realizar-se todos os anos. Isto não implica que estes resultados não podem ser publicados em outros veículos de divulgação, mas assim o sendo deverão sempre enfatizar o financiamento fornecido pela Fundação Lusíada através do UNILUS, explicitando o número do processo de concessão da bolsa.

10. Todos os trabalhos apresentados serão publicados nos anais do simpósio?

Não. Após análise da Comissão de Pesquisa, os trabalhos aprovados, serão publicados na forma de Anais do Simpósio de Iniciação Científica, ou seja, nem todos os trabalhos apresentados serão publicados. Os trabalhos que não forem aprovados para publicação levarão a um reexame da concessão da bolsa. Os trabalhos deverão utilizar as normas para preparação de artigos fornecida pela Comissão de Pesquisa.

11. Qual a duração da bolsa?

A bolsa é concedida, em circunstâncias normais, por período de um ano, sendo renovável após análise do desempenho do bolsista e de seu histórico escolar atualizado, caso o projeto tenha continuação e os resultados até o momento sejam relevantes. Não se concede bolsa por período inferior a 6 meses. A vigência da bolsa não pode ultrapassar a data do término do curso de graduação do bolsista.

12. Qual o valor da bolsa?

A bolsa corresponderá ao valor de R$ 2.400,00 (Dois mil e quatrocentos reais), pagos na forma de 12 (Doze) parcelas consecutivas e iguais de R$ 200,00 (duzentos reais) cada, em desconto na mensalidade do curso.





Voltar




UNILUS - Centro Universitário Lusíada

UNILUS
> Palavra do Reitor
> Campi
> Notícias
> Fale Conosco

CURSOS
> Processo Seletivo
> Graduação
> Pós-graduação
> Extensão

ALUNOS
> Calendário Acadêmico
> Bibliotecas
> Iniciação Científica
> Ex-Alunos
UNILUS - Centro Universitário Lusíada Colégio UNILUS Fundação Lusíada

© 2012 - 2017 UNILUS - Centro Universitário Lusíada. Todos os direitos reservados