Regulamento do TCC - UNILUS
UNILUS - Centro Universitário Lusíada
Compartilhar: YouTube Facebook Twitter     Home | Mapa do Site | Identidade Visual | Ouvidoria | Trabalhe Conosco | Fale Conosco
Área Restrita: Aluno  Professor  |Usuário: |Senha:  
UNILUS    CURSOS    CAMPI    ALUNOS    NOTÍCIAS    PROCESSO SELETIVO
Regulamento do TCC - UNILUS
Você está em: Home  >Alunos  >Regulamento do TCC

REGULAMENTO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO - TCC



TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO - TCC

Art. 1º O Trabalho de Conclusão de Curso é um requisito indispensável para a conclusão dos cursos oferecidos pelo Centro Universitário Lusíada. O TCC tem como finalidade aproximar o aluno da pesquisa, suas concepções e condições de produção, além de permitir o conhecimento e a reflexão sobre o processo saúde-doença.

Parágrafo único: No Curso de Ciências Médicas do UNILUS, o TCC é desenvolvido da seguinte maneira:

O trabalho de conclusão de curso acontece para que os alunos experimentem a prática da pesquisa científica e dessa forma entendam com maior facilidade e critério aquilo que leem em relação a diagnóstico e tratamento das doenças. É um aprofundamento temático numa área do curso que proporciona o desenvolvimento da capacidade crítico-reflexiva de interpretação e aplicação de conhecimento da formação profissional. Esses trabalhos funcionam como seminários integrativos, ou seja, trabalho desenvolvido em grupo que podem ser tanto revisões de literatura como estudos originais dependendo do interesse dos alunos e ao final do estágio o grupo apresenta para os professores (normalmente dois ou três) e é aberta a discussão com os demais integrantes do grupo.

A disciplina chamada de trabalho de conclusão de Curso (TCC) contempla 60 horas, no decorrer do Curso de Medicina, disponibilizando tempo para os alunos pesquisarem e realizarem coleta de dados de um tema específico.

A avaliação final é a média da avaliação dos trabalhos científicos que acontecem no decorrer do curso, que tradicionalmente compõe Unidade Materno Infantil pelas Disciplinas de Pediatria e Ginecologia e Obstetrícia. Cada disciplina tem como critério de avaliação pré-estabelecido para esses seminários integrativos: que os alunos utilizem referências bibliográficas atuais, respeitem o prazo de entrega, participem da apresentação, sempre considerando a relevância do tema escolhido.

A elaboração da monografia visa sedimentar os conhecimentos obtidos durante o desenvolvimento do curso. Deve ser acompanhada por um docente responsável que verificará se os conceitos de Metodologia Científica e as normas definidas pela Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) para a formatação de trabalhos acadêmicos estão sendo convenientemente aplicados. Acompanha o trabalho auxiliando na formatação e na verificação da forma metodológica de como o trabalho está sendo elaborado.

Os alunos podem dispor de um orientador que se responsabilizará pelo acompanhamento do conteúdo do trabalho em desenvolvimento. Este professor preferencialmente deverá compor o corpo docente em tempo integral.

O componente curricular dessa monografia justifica-se por si só, pois permite ao discente a prática da pesquisa no âmbito profissional, acompanhada por um profissional, mas ainda no âmbito acadêmico, além da apresentação discussões e conclusões obtidas durante a pesquisa à uma banca examinadora.
  Regulamento do TCC

Art. 2º A elaboração do trabalho poderá ser feita individualmente ou em até quatro alunos, sendo, entretanto, a nota final do TCC individual e conferida após apresentação e avaliação do último relatório.

Art. 3º O tema da pesquisa será definido pelo orientador em conjunto com o(s) aluno(s).

Art. 4º Caberá ao orientador definir o número de alunos quando o TCC for realizado em grupo observando o tipo de projeto a ser desenvolvido.

Art. 5º O projeto de pesquisa deverá obedecer às regras de produção do trabalho científico.

Art. 6º O orientador deverá fazer parte do quadro de docentes do curso. Parágrafo único Caso não haja possibilidade de orientação por docente do curso, o aluno deverá procurar a coordenação do TCC que indicará possíveis orientadores.

Art. 7º Para os cursos da área da saúde, o primeiro relatório de pesquisa deverá ser apresentado juntamente com a aprovação pelo Comitê de Ética em Pesquisa até 30 de maio do ano em que deverá apresentar o TCC.

Art. 8º O relatório final de pesquisa será entregue até 30 de outubro do ano em que deverá apresentar o TCC.

Art. 9º Caberá ao orientador receber o primeiro relatório para avaliação do mesmo. O orientador deverá fazer uma devolutiva aos alunos, após avaliar o relatório. Desta forma, o relatório cumpre sua função formativa além de instrumento de acompanhamento do trabalho.

Art. 10. Cada docente poderá orientar, no máximo, cinco trabalhos.

Art. 11. Serão aceitos como TCC projetos de pesquisa de iniciação científica iniciados em outras etapas do curso.

Art. 12. Após a entrega de todos os relatórios, a coordenação do TCC marcará dia e hora para apresentação do trabalho à banca examinadora.

Art. 13. A banca examinadora será constituída por dois professores indicados pela coordenação do curso.

Art. 14. A nota final do trabalho será obtida por meio da média aritmética das duas notas (e zero a dez) dadas pelos docentes da banca.

Art. 15. O aluno será considerado aprovado se a média aritmética atingir o valor 07 (sete). Caso não obtenha média 07 ele terá uma oportunidade para rever o trabalho e apresentá-lo novamente à banca em data a ser marcada pela coordenação do TCC.

Art. 16. A apresentação final do trabalho deverá corresponder à forma de artigo científico conforme as regras da revista a ser escolhida para publicação pelo orientador.

Art. 17. O relatório final do TC deverá seguir as normas de produção e redação do trabalho científico (ABNT – www.abnt.org.br).

Art. 18. Deverão ser entregues à coordenação do TCC, três cópias impressas e uma digital em CD, no prazo máximo de até 21 dias antes da apresentação à banca.

Art.19. Compete ao Colegiado de Curso suprir as lacunas em relação às dúvidas e interpretação destas normas, expedindo os atos complementares que se fizerem necessários.

Art. 20. Este Regulamento entra em vigor na data de sua aprovação pelo Conselho de Administração Superior - CAS.





UNILUS - Centro Universitário Lusíada

UNILUS
> C.P.A.
> Ouvidoria
> Egresso
> Colap
> CEPSH
CURSOS
> Processo Seletivo
> Graduação
> Pós-graduação
> Colégio UNILUS
> Notícias
ALUNOS
> Academia(ÁREA RESTRITA)
> Calendário Acadêmico
> Bibliotecas
> Iniciação Científica
> Reemissão de boleto
UNILUS - Centro Universitário Lusíada Colégio UNILUS Fundação Lusíada

© 2012 - 2021 UNILUS - Centro Universitário Lusíada. Todos os direitos reservados